[kads group="topo-1"]


ESPÍRITO DESCONTROLADO

A vida não é fácil para ninguém, cada um tem as suas dificuldades e limites para conseguir enfrentar um desafio. O que para você é algo simples, para o seu vizinho pode ser uma equação de difícil solução. Nas provações nos sentimos solitários e covardes perante a vida. Isso ocorre porque o nosso espírito fica chocado com as atitudes dos outros com relação a nós… E aí vale lembrar que fomos criados por famílias diferentes, com crenças e valores que nem sempre se harmonizam com o nosso estilo. O ser humano é uma bela caixinha de surpresas! E assim, nos machucamos uns aos outros até mesmo sem perceber.

É preciso buscar a paz em nós e na sua tranquilidade acalmar o coração machucado. Nada pode ser feito quando estamos revoltados e cheios de raiva. Isso contribuirá para que tenhamos acumulo de cargas negativas em nosso espírito. E o negativo não é bom conselheiro, pelo contrário, a situação se tornará uma guerra em pouco tempo. E nessa confusão de egos e supostas verdades todos sairão perdendo.

Não precisamos aprender pela dor, uma vez que, aprender pelo amor é muito mais tranquilo e engrandecedor. Quando deixamos o bicho ruim que há em nós escapar da jaula, ofendemos, magoamos e marcamos a vida de muitos. E aí só a dor para nos ensinar a domar a fera interior. Devemos aprender a orar e vigiar para que não sejamos a dor na vida do nosso próximo. As nossas atitudes negativas podem levar anos para que a outra pessoa supere a sua dor e consiga seguir em frente com sua vida. É muito melhor sermos lembrados pelo amor e pelo bem praticado do que pelas maldades de um espírito descontrolado. É bom pensarmos nas nossas ações e observarmos os olhos das pessoas que convivem conosco, o que vemos? Olhos de amor ou olhos tristes, desiludidos e nublados? Cuidado! O que semear hoje é o que vai colher amanhã!

Compartilhe:

Sobre o Autor

Lucy Alves Tavernezi

Lucy Alves TaverneziFormada em Comunicação Social pela OSEC-SP; Participante de grupos de Estudos Espíritas na Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas (SBEE).

Todos os Posts de: Lucy Alves Tavernezi